Parceria cria primeiro marketplace do agro

20 Ago 2021
parceria-cria-primeiro-marketplace-agro
Texto escrito em Português do Brasil

Uma parceria entre a Rangel, uma startup brasileira, bancos, corretoras de câmbio, de seguros e firmas de agenciamento de fretes vai viabilizar o primeiro marketplace do agronegócio nacional. 

No ar desde o início de agosto, a plataforma já conecta produtores de trigo, frutas, verduras e legumes no Brasil a varejistas, indústrias e cooperativas que demandam esses produtos. "Pela plataforma, pequenos e médios produtores rurais têm acesso direto a compradores de seus produtos num ambiente digital, seguro, com serviços integrados e, principalmente, livre de intermediários”, explica Enrique Garcia.

"A plataforma vai permitir ao produtor negociar diretamente com os compradores de seus produtos em condições mais favoráveis. É uma alternativa à comercialização via trades agrícolas e empresas de exportação, que hoje têm poder de impor suas condições aos demais elos cadeia”. 

Além de conectar produtores e compradores, a plataforma vai disponibilizar serviços bancários, logísticos, de corretagem de câmbio e seguros necessários à efetivação de negócios no Brasil e, futuramente, no exterior. 

A Rangel será o operador logístico oficial. Além de prestar serviços logísticos, a empresa vai colaborar com dados de inteligência em rotas, fretes, rastreabilidade e previsões de oferta e demanda de mercadorias que vão ajudar os usuários a fazer melhores negócios.