Logística integrada: o que é e quais os principais benefícios

Logística integrada: o que é e quais os principais benefícios

As cadeias de abastecimento enfrentam atualmente novos desafios. Por um lado, a globalização intensificou as trocas comerciais em todo o mundo. As cadeias de abastecimento tornaram-se mais longínquas e com um número crescente de operadores. Ao mesmo tempo, o desenvolvimento do eCommerce e a expansão do omnichannel imprimiram uma maior exigência às empresas: é preciso entregar mais rápido e com menores custos. Para atender a estas necessidades, as organizações precisam de ter uma logística integrada das suas operações.

O objetivo é dispor de uma visibilidade 360º sobre todas as etapas da cadeia de abastecimento e um contacto próximo com os principais parceiros. Assim, assegura-se a coordenação das operações – começando pelas matérias-primas, passando pela gestão de stocks e armazenamento até ao transporte e à entrega ao consumidor final.

Logística integrada: As principais vantagens

Para que um carro possa fazer uma viagem rápida e segura numa estrada, não basta estar munido de um bom motor. É necessário, além disso, ter combustível, os pneus calibrados e um condutor habilitado para conduzir. O mesmo se passa nas cadeias de abastecimento. Para uma empresa garantir que os produtos chegam rapidamente às mãos dos clientes, não basta fazer uma boa gestão dos armazéns ou ter uma solução otimizada de transporte. É vital que todos os elos da supply chain estejam coordenados. E é exatamente isso que a logística integrada propicia.

Trata-se de um modelo de organização que permite assegurar a coordenação das diversas áreas da empresa, assim como de processos, recursos, mercadorias e fluxos de informação. Tudo está integrado e interligado: desde os inventários até aos produtos chegarem aos clientes finais, envolvendo os colaboradores da empresa e, igualmente, fornecedores e parceiros.

Tendo em conta a crescente complexidade das supply chain e o elevado número de agentes intervenientes nas cadeias de abastecimento, a logística integrada socorre-se da tecnologia e de soluções de software avançadas para coordenar as diferentes operações e etapas do processo logístico.

Entre as principais vantagens associadas à implementação de uma estratégia de logística integrada, destaque para as seguintes:

Visibilidade end-to-end

Com a integração de processos e a adoção das ferramentas adequadas, as organizações conseguem ter informação em tempo real do estado das operações em toda a cadeia de abastecimento.

Tomada rápida de decisões

A logística integrada confere uma visão mais ampla e em real time das operações, melhora os fluxos de comunicação e facilita o acesso a indicadores de desempenho. Todos estes fatores contribuem para que as equipas de gestão disponham de dados que lhes permitam tomar decisões mais rápidas e mais bem informadas sobre os seus negócios e fazerem previsões mais rigorosas.

Deteção de ineficiências e antecipação de problemas

Tanto na gestão de inventários como na definição de rotas de transporte, a logística integrada permite antecipar possíveis problemas, detetar erros ou processos ineficientes e implementar rapidamente ajustes.

Redução de custos

A logística integrada permite às organizações reduzirem custos, não só pela rápida deteção de problemas e implementação de melhorias nos processos, mas também por via da otimização dos recursos humanos e técnicos.

Melhoria dos níveis de satisfação dos clientes

Este modelo permite diminuir o risco de disrupções e evitar problemas como a falta de disponibilidade de produtos ou atrasos nas entregas. Dessa forma, a logística integrada contribui para uma melhor experiência de compra e para a fidelização de clientes.

Maior agilidade e eficiência nos processos logísticos

As empresas tornam-se mais rápidas e ágeis nos processos, ficando com capacidade para reagirem de forma célere perante mudanças do mercado ou eventos inesperados.

Melhoria da produtividade

Ao permitir fazer um controlo ativo de mercadorias, colaboradores, equipamentos e processos, a logística integrada melhora a produtividade das organizações e ajuda-as a manterem-se competitivas.

Como implementar uma estratégia de logística integrada?

Para que a adoção de uma estratégia de logística integrada seja bem-sucedida dentro de uma organização, existem alguns aspetos que devem ser tidos em conta:

Envolver toda a organização

A implementação de um modelo de organização baseado na estratégia de logística integrada implica que todos os departamentos da empresa estejam envolvidos neste processo. Precisam, portanto, de ter conhecimento e formação sobre as ferramentas utilizadas para gerir e partilhar os fluxos de informação e de saber como proceder em caso de necessidade de rápidos ajustes. Recorde-se que a comunicação é a chave para o sucesso da integração de processos.

Envolver fornecedores e parceiros

A logística integrada permite não só reduzir os riscos internos da organização, mas também mitigar os riscos externos (ex: problemas com o fornecimento de matérias-primas). Por isso, é fundamental envolver igualmente os fornecedores e principais parceiros e garantir uma comunicação fluida. Nesse sentido, os portais colaborativos assumem-se como ferramentas de trabalho interessantes para facilitar o relacionamento e a partilha de informações entre os vários atores do processo logístico, além de promoverem a visibilidade e a transparência das operações.

Definir os processos e os responsáveis

Cada empresa tem as suas próprias necessidades, pelo que não existe uma solução one size fits all. Assim, as organizações têm de fazer o levantamento dos processos mais críticos que deverão ser integrados e identificar as pessoas responsáveis pelas atividades e que irão controlar cada etapa.

Implementar soluções de software adequadas

Como já foi mencionado, a tecnologia  e os sistemas inteligentes têm um papel crescente na interligação das diversas operações da cadeia de abastecimento. A integração das várias ferramentas da empresa (como as soluções ERP, WMS, TMS e OMS, entre outros) permite às organizações ter uma visibilidade end-to-end, criar automatismos e obter insights relevantes para a tomada de decisões.

Se tem dúvidas sobre como tornar o processo logístico da sua empresa mais eficiente e ágil, contacte-nos. O grupo Rangel tem um conjunto alargado de soluções logísticas para garantir que o seu negócio tem todo o apoio para ser bem-sucedido.

FONTES BIBLIOGRÁFICAS:
Cobli, “Logística integrada: o que é, benefícios e como fazer na prática?”. Acedido a 1 de abril de 2022.
https://www.cobli.co/blog/logistica-integrada/
Maersk, “How to achieve a truly integrated logístics?”. Acedido a 1 de abril de 2022.
https://www.maersk.com/news/articles/2021/03/08/how-to-achieve-a-truly-integrated-logistics
Interlake Mecalux, “Integrated logistics and supply chain coordination”. Acedido a 1 de abril de 2022.
https://www.interlakemecalux.com/blog/integrated-logistics
Blog Logística,“Conheça a logística integrada e os seus benefícios”. Acedido a 1 de abril de 2022.
https://bloglogistica.com.br/mercado/conheca-a-logistica-integrada-e-seus-beneficios/
Revista Mundo Logística, “Logística integrada”. Acedido a 1 de abril de 2022.
https://revistamundologistica.com.br/glossario/logistica-integrada

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.